Terra Indígena Yanomami é mira de garimpo ilegal. Foto: Arquivo

Equipes de buscas localizaram o corpo da indígena desaparecida após a embarcação militar em que estava naufragar no rio Uraricoera, reserva indígena Yanomami em Roraima. A vítima foi localizada ontem [9], dois dias após o incidente, segundo informou na tarde desta terça-feira (10) a assessoria de comunicação do Exército.

A embarcação era tripulada por três militares e um indígena, e levava a senhora indígena como passageira. O motivo da mulher estar na embarcação é investigado. A embarcação participava das operações contra o garimpo ilegal na região e afundou no fim da tarde de sábado ao passar a cachoeira do Algodão.

De acordo com a assessoria, medidas legais cabíveis estão sendo tomadas junto aos órgãos competentes para realização da retirada do corpo do local e posterior perícia.

“O Inquérito Policial Militar, já instaurado pelo Comando da 1ª Brigada de Infantaria de Selva, verificará as circunstâncias em que ocorreu o lamentável fato”, diz nota.

 

Comentários no Facebook