Investigações foram conduzida pela delegada titular do NPCA, Jaira Farias. Foto: Wenderson Nunes/TJRR

O pintor Vivaldo Marques Trindade, de 57 anos, foi preso nessa sexta-feira (20), no Centro de Boa Vista, acusado de abusar sexualmente de três crianças, netas da ex-mulher dele. Segundo a Polícia Civil, ele chegou a abusar uma das vítima por dez anos.

De acordo com a delegada titular do Núcleo de Proteção à Criança e Adolescente (NPCA), Jaira Farias, as investigações contra o pintor tiveram início há um ano, após uma das vítimas denunciar o caso à polícia ao completar a maioridade.

À delega, a jovem que atualmente tem 18 anos, relatou que foi abusada sexualmente dos 6 aos 16 anos de idade pelo ex-marido da avó dela. Após isso, as irmãs dela, de 9 e 10 anos, também afirmaram terem sido abusadas pelo pintor.

Ao saber das denúncias o acusado fugiu e vinha se escondendo da polícia, mas foi detido ontem (20), por agentes do NPCA mediante cumprimento de prisão preventiva decretada pelo crime de estupro de vulnerável. Em seguida ele foi encaminhado à Cadeia Pública, onde permanecerá à disposição da Justiça.

 

Comentários no Facebook