Foto: Eduardo Andrade

A música pode até ser considerada uma linguagem universal, ela atinge todas as classes sociais e faixa etárias. Ela é usada para celebrar momentos, para marcar datas e pode ainda mudar vidas. Por meio do Abrindo Caminhos, programa do Poder Legislativo, crianças e adolescentes da capital e do interior podem ter acesso a aulas de coral, violão e flauta gratuitamente.

Para o professor de violão do Núcleo de Alto Alegre, Ismael Souza, na música os alunos encontram uma paixão, algo para se dedicar e quem sabe, uma futura profissão.  “Eu vejo o brilho no olho da cada um, com seu instrumento executando aquilo que passou meses em sala de aula aprendendo.”

Além disso, o professor ressalta os benefícios que a música traz para a vida das pessoas. “A gente sabe que quando estamos naquele momento triste a música alegra a nossa alma. Quando se toca um violão ou canta uma música isso transforma a vida dos alunos, eu vejo isso”, finalizou.

O estudante de 12 anos, Ricardo Sobral, sabe bem disso e diz que quando crescer quer se tornar um professor de música e espalhar a paixão pela arte. “Eu comecei a sonhar que quando eu crescesse eu queria repassar esse conhecimento e incentivar outras pessoas”, contou.

Há três anos, ele participa das aulas de violão ofertadas pelo programa Abrindo Caminhos, no Núcleo do Poder Legislativo em Alto Alegre. O aprendizado vai além dos acordes. “Ela me fortalece para cada dia mais ensaiar, sair de casa, me divertir, aproveitar a vida.”

Dia da Música

Nesta terça-feira, 01 de outubro, é comemorado o Dia Internacional da Música. A data foi instituída em 1975 para que todos os setores da sociedade pudessem ter acesso a essa expressão artística e promover os valores de paz e amizade por intermédio dela. O dia foi escolhido pelo Conselho Internacional de Música (International Music Council), organização não governamental fundada com o apoio da Unesco.

Comentários no Facebook