Área de garimpo em terras indígenas em Roraima. (Foto: ISA)

O vice-presidente da Assembleia Legislativa de Roraima, deputado Jânio Xingu (PSB), propôs a realização de uma audiência pública para a próxima terça-feira (22) para debater sobre a atividade minerária do Estado. A discussão será realizada no plenário Noêmia Bastos Amazonas, a partir das 14h.

Conforme o deputado, a decisão ocorreu após o parlamentar conversar com garimpeiros e afirmar o compromisso do Poder Legislativo em ouvir a categoria. “São esses trabalhadores que promovem o PIB [Produto Interno Bruto] do Estado, portanto, essa Casa vai entrar de cabeça nesta causa para que possamos buscar uma solução ao problema”.

Desde o dia 9 de outubro os trabalhadores protestam pelo direito de explorar legalmente a atividade garimpeira nas terras do Estado. Por isso, realizaram bloqueios na BR-174, principal rodovia do Estado, e estão acampados na Praça do Centro Cívico há uma semana.

Esta situação e outros pontos, como a identificação de potencialidades do subsolo e execução de ações para exploração dos recursos existentes, serão debatidas nesta audiência pública. Para isto, foram convidados representantes do Exército Brasileiro, Polícia Federal, Ministério Público de Roraima, Femarh (Fundação Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos) e o Governo de Roraima.

Previdência dos servidores

Na próxima quinta-feira (24), o assunto a ser discutido em audiência pública é a previdência dos servidores públicos do Estado no plenário Noêmia Bastos Amazonas, da Assembleia Legislativa de Roraima. O presidente da Casa, deputado Jalser Renier (SD), é o autor do requerimento para atender ao pedido de diversas categorias.

As duas audiências serão transmitidas, ao vivo, pelo canal aberto da TV Assembleia, canal 57.3, e pela tv por assinatura Sky, por meio do canal 357.3. Quem quiser pode acompanhar ainda a pela página oficial da Assembleia Legislativa no Facebook (assembleiarr).

Comentários no Facebook