Foto: Eduardo Andrade

O fim de semana foi marcado por lutas e conquistas dos alunos de jiu-jítsu do programa Abrindo Caminhos da Capital e de Alto Alegre, Mucajaí e Rorainópolis. Neste domingo (20), atletas e professores participaram da Copa Salim DIB de Jiu-Jítsu 2019, que ocorreu no Ginásio Hélio Campos, no bairro Canarinho. O evento reuniu aproximadamente 700 lutadores de 26 academias do Estado.

A competição foi a última para definir os atletas com melhor rendimento na escolha dos melhores do ano na modalidade. O Abrindo Caminhos também recebeu prêmio, por ficar em 3º lugar na classificação das melhores academias de jiu-jítsu na categoria Kids e em 3º lugar nas academias gerais da cidade.

A primeira medalhista do programa foi Sofia Serena Martins, de 7 anos. Treinando há dois anos, a garota conquistou o lugar mais alto do pódio na categoria médio. Ela destacou a importância de competir. “Foi muito melhor que as outras, essa luta foi importante para mim e eu ainda ganhei a medalha de ouro. Estou muito feliz e pretendo continuar lutando”.

A mãe de Sofia, a autônoma Raíza da Costa, era só felicidade. Com a emoção estampada no rosto, ela ressaltou que mesmo depois de muita ansiedade o resultado valeu a pena. “É um sonho dela que está se concretizando nessa primeira competição de muitas outras que ainda vão vir. O Abrindo Caminhos é uma oportunidade para que ela possa realizar esse sonho”, comentou.

O ouro também foi para o município de Rorainópolis. Miguel Rodrigues, de 13 anos, lutou na categoria super-pesado e foi campeão. Na primeira competição, o adolescente destacou as dificuldades para conquistar a medalha. “A parte mais difícil para mim, foi na parte que levei montada [golpe em que um oponente fica sobre o outro] que ficou difícil de passar as pernas, mas foi muito emocionante. Volto para casa feliz com o resultado, que venha o próximo”.

José Mariano, de 15 anos, também voltou para casa com o ouro. Ele, que mora no município de Alto Alegre, enfatizou a influência dos treinos para a conquista. “Eu vinha treinando muito e, a partir de agora, eu vou treinar mais para ganhar mais ouro”, destacou o garoto que lutou na categoria galo.

De acordo com o professor Bruno Romão, os resultados positivos são a prova do trabalho desenvolvido pelo Abrindo Caminhos. “Estamos mostrando que o programa está dando bons resultados com essas crianças e adolescentes vindo, competindo, ganhando e se destacando entre os melhores do ano”.

Para a diretora do programa Abrindo Caminhos, Viviane Lima, para que cada resultado seja conquistado é necessária a participação de todos. “A cada campeonato estamos aumentando o número de competidores e tudo isso é o resultado de um trabalho não só da equipe, mas também do envolvimento dos pais e da dedicação dos atletas”, concluiu.

Confira a lista de medalhistas na competição:

Boa Vista

Guilherme Valmir Pereira – 9 anos – prata

Júlio César Oliveira do Nascimento – 7 anos – bronze

Hadryan Levi Paiva da Silva – 7 anos – ouro

Rhuan Matheus Melo Costa – 8 anos – bronze

Ana Ester Gomes Mota – 10 anos – prata

Ana Júlia Silva Amorim – 10 anos – prata

Maria Isabella Silva Mota – 10 anos – prata

Kayro San Rodrigues Barbosa – 9 anos – bronze

Carlos Henrique Souza Silva – 15 anos – ouro

Dircelly Oliveira Carvalho – 17 anos – ouro

Felipe Bruno Silva Saraiva – 17 anos – ouro

João Victor Araújo Romão – 14 anos – ouro

Ricardo Rocha Soares – 15 anos – bronze

Thyago Silva Santana – 14 anos – ouro

Wesley de Lima Mota – 16 anos – prata

Wiliam Gonçalves Lima – 17 anos – bronze

Tuane Taynara Katryne Jenifer Freitas da Silva – 16 anos – 2 medalhas de ouro categoria e absoluto

Brendha Victoria Araújo Romão – 7 anos – ouro

Kalebe Elias Gale – 9 anos – bronze

Luiz Eduardo Guedes de Souza – 8 anos – ouro

Ruan Guilherme Vasconcelos de Azevedo – 7 anos – prata

Sofia Serena Martins da Costa – 7 anos – ouro

Caio Marinho – 14 anos – prata

Ana Júlia Duarte Silva – 16 anos – prata

Marciano Edson Sousa Silva – 16 anos – 2 medalhas de ouro categoria e absoluto

Bruno Romão (professor) – 2 medalhas de ouro categoria e absoluto

Alto Alegre

Matheus Ryan de Sousa Leal – 10 anos – ouro

Marsoel Oliveira da Silva – 5 anos – ouro

Ana Tereza Oliveira da Silva – 11 anos – prata

Ágatha Suyenne Almeida de Sousa – 11 anos – bronze

José Mariano Trindade de Sousa – 15 anos – ouro

Viviane Keutre de Sousa Carneiro – 11 anos – prata

Leanderson Eduardo da Silva Paixão – 11 anos – prata

Marc Emanoel Santos Assunção – 14 anos – ouro

Hewellem Gabriela Silva Brito – 16 anos – prata

Mucajaí

Ana Lima Ferreira – 9 anos – ouro

Leila Mariana Isaac Silva – 15 anos – ouro

Lueny Lima da Silva – 12 anos – ouro

Ítalo Peixoto (Professor) – 2 medalhas de ouro categoria e absoluto

Rorainópolis

Miguel Rodrigues Nascimento – ouro

Marley Geovane Souza dos Santos – 13 anos – bronze

Kauã Lima Campos – 12 anos – prata

Antônio Felipe Souza Silva – 10 anos – prata

Alyfy Jhonathan de Souza Neto – 15 anos – prata

Felipe Amorim Mendonça – 11 anos – bronze

Leonardo Silva Arantes – 17 anos – prata

Pedro Emanuel da Conceição – 9 anos – prata

Comentários no Facebook